Receita Estadual vistoria mais de 5 mil veículos em operação de inadimplência do IPVA

Receita Estadual vistoria mais de 5 mil veículos em operação de inadimplência do IPVA

Curtir
668
0
quarta-feira, 29 julho 2015
Notícias

Ao longo desta terça-feira, dia 28, foram realizadas blitze em cidades do estado para marcar o combate à inadimplência do IPVA pela Receita Estadual. A ação tem como objetivo identificar automóveis, caminhões e motocicletas transitando com o licenciamento atrasado. As operações ocorreram em Porto Alegre, Lajeado, Erechim, Uruguaiana, Gravataí, Caxias do Sul, Passo Fundo e Santo Ângelo.

São 637 mil veículos com o IPVA 2015 vencido de 3,85 milhões sujeitos a tributação.  Esses vencimentos equivalem a cerca de R$ 268 milhões. Esses números representam cerca de 10% da previsão de recolhimento do IPVA neste ano, que é de R$2,67 bilhões. 50% do valor arrecadado são creditados às prefeituras.

Só em Porto Alegre, são mais de 100 mil veículos com o imposto atrasado, contabilizando R$ 54,7 milhões que deixaram de entrar nos cofres públicos. São 593 mil veículos tributados em Porto Alegre.

As operações fecharam o dia com 5.062 veículos vistoriados, sendo 322 recolhidos por atraso no pagamento do imposto e outros 146 flagrados sem o licenciamento para circular.

Em Porto Alegre, a barreira da Receita funcionou na 3ª Perimetral e abordou 499 veículos apenas na parte da tarde. As cidades de Lajeado e Erechim tiveram o maior número de abordagens da fiscalização e o município de Uruguaiana, foi onde houve a maior quantidade de carros guinchados: 109 veículos.

DRE Município Vistoriados Inadimplentes Não licenciados
Porto Alegre Porto Alegre

 499

 24

 10

Canos Gravataí

910

65

34

Caxias do Sul Caxias do Sul

655

46

14

Passo Fundo Passo Fundo

703

63

27

Uruguaiana Uruguaiana

893

73

36

Lajeado* Lajeado

1082

16

21

Erechim Erechim

 1133

21

 0

Santo Ângelo Santo Ângelo

819

38

14

Total

5.062

322

146

Trafegar sem o Certificado de Registro e de Licenciamento de Veículo (CRLV) é infração gravíssima (art. 230, V, do Código de Trânsito Brasileiro), sujeito a multa de R$ 191,53 e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Se for flagrado durante as blitze, ainda terá os custos com a remoção do veículo, sendo liberado apenas depois de regularizada s pendências do veículo.

Na próxima semana, as blitze serão repetidas em outros municípios. Após esta etapa, a Receita encaminhará aviso a quem deixou de pagar o IPVA dentro dos prazos, tendo o calendário anual se encerrado na semana passada. Por último, será feita a inscrição dos proprietários em Dívida Ativa para cobrança judicial.

Fonte: comunitaria.com.br

Comments are closed.

Menu